O Poder dos Juros Compostos

Imagine que bom seria se você conseguisse multiplicar seu dinheiro até mesmo no pior dos cenários econômicos. Imagine seu dinheiro trabalhando para você. Pois é! Com juros compostos isso é possível!

Os juros compostos podem ser uma ótima ferramenta para se obter a tão sonhada independência financeira. O potencial existente neste tipo de investimento é tão grande que ao longo da história, muitos milionários usufruíram dos benefícios financeiros obtidos através da estratégia de juros compostos. Warren Buffet, famoso investidor, multimilionário, filantropo e terceiro entre as pessoas mais ricas do mundo é um bom exemplo a ser citado.

Em um conceito básico, juros compostos são frutos gerados em um período de tempo que passam a constituir o capital ao mesmo tempo que fazem com que os novos juros se apliquem sobre os anteriores. Ou seja, o valor dos juros pode ser entendido como crescente ou até mesmo como a operação costuma ser conhecida: juros sobre juros.

Trata-se de uma questão de tempo e reinvestimento. Além do mais, não há como falar mal de uma fórmula exaltada como a “maior invenção da humanidade” por ninguém menos que Albert Einstein, não é mesmo!?

O potencial de ganho em um investimento através de juros compostos é otimizado a medida que o tempo vai passando. Assim, quanto mais tempo você tiver de investimento, maior será o ganho sobre ele.

A Fórmula dos Juros Compostos

formula

O cálculo dos juros compostos é realizado da seguinte maneira:

C representa o capital inicial; i representa a taxa em porcentagem (%) por período de tempo; t representa o número de períodos de tempo e; M representa o montante final.

M = C x (1 + i) t

Colocando em Prática

vantagem

Suponhamos que seja realizada uma aplicação mensal de R$ 100,00 (valor extremamente pequeno) ao longo de um período de 1 ano à uma taxa de juros compostos de 1% ao mês (valor totalmente real). Acompanhe a tabela a seguir.

VALOR APLICADO MENSALMENTE = R$ 100,00

Mês Aplicação Acumulado Juros Juros Acumulado
1 R$ 100,00 R$ 100,00 R$ 101,00 R$ 1,00

2

R$ 100,00 R$ 201,00 R$ 203,01

R$ 2,01

3 R$ 100,00 R$ 303,01 R$ 306,04 R$ 3,03
4 R$ 100,00 R$ 406,04 R$ 410,10 R$ 4,06
5 R$ 100,00 R$ 510,10 R$ 515,20 R$ 5,10
6 R$ 100,00 R$ 615,20 R$ 621,35 R$ 6,15

7

R$ 100,00 R$ 721,35 R$ 728,57

R$ 7,21

8 R$ 100,00 R$ 828,57 R$ 836,85

R$ 8,29

9 R$ 100,00 R$ 936,85 R$ 946,22 R$ 9,37
10 R$ 100,00 R$ 1.046,22 R$ 1.056,68 R$ 10,46
11 R$ 100,00 R$ 1.156,68 R$ 1.168,25 R$ 11,57
12 R$ 100,00 R$ 1.268,25 R$ 1.280,93

R$ 12,68

TOTAL R$ 1.200,00   R$ 1.280,93 R$ 80,93

Como você pode notar, o total investido foi de R$ 1.200,00 ao longo de 1 ano (R$100,00 por mês). No final do período o juros total adquirido foi de R$ 80,93. No final desse ano você teria R$ 1.280,93 (os R$ 1.200,00 investidos mais os R$ 80,93 de juros ao longo do ano). Isso é o seu dinheiro trabalhando para você. Com certeza estes valores não seriam possíveis em um investimento com juros simples.

Você pode estar pensando “poxa, só R$ 80,93 de ganho durante 1 ano inteiro ?”. É meu amigo, levando em consideração que a aplicação foi só de R$ 100,00 por mês, esse ganho está excelente. Isso foi durante 1 ano somente.

Agora, vamos pensar que este mesmo investimento seja realizado num período de 35 anos (o tempo que você trabalha normalmente ao longo de uma vida). Ou seja, se mensalmente forem aplicados R$ 100 durante 420 meses (35 anos) à uma taxa de juros compostos de 1% ao mês, ao final do investimento o valor acumulado seria de R$ 649.526,41. Ou seja, ao longo de toda a sua vida você teria investido R$ 42.000,00 (420 meses investindo R$100,00) e no final do período teria R$ 649.526,41, sendo assim, os juros compostos teriam trabalhado para você lhe rendendo incríveis R$ 607.526,91.

Fantástico não é ? Agora imagine se ao longo da vida você investir muito mais que isso. Vamos supor que invista R$ 1.000,00 por mês nas mesmas circunstâncias acima. Ao final de 35 anos você teria R$ 6.495.269,07. Isso sim é aposentadoria não é mesmo ?

Não é mágica, é matemática financeira! Investir com juros compostos multiplica o valor de uma aplicação independentemente da situação econômica. Ou seja:

Quando o cenário econômico é bom: você lucra!

Quando o cenário econômico é ruim: você lucra!

Tempo é Dinheiro!

tempo e dinheiro

Existem muitas formas de se investir através de juros compostos, como por exemplo: renda fixa. Entretanto, o segredo para um bom resultado final numa aplicação é: começar o quanto antes. Quanto mais você adiar a decisão de investir através desta ferramenta da matemática financeira, menores ficarão as chances de se obter o retorno esperado.

Os rendimentos em um investimento através de juros compostos começam numa velocidade reduzida e sua aceleração se dá de maneira gradual. É através desta premissa que a necessidade de antecipar um investimento se justifica. Quanto mais cedo, melhor!

O ponta pé inicial é tão importante quanto a escolha de um investimento com bom retorno mensal. Apenas não se esqueça de realizar aportes mensais para potencializar os lucros e claro, ter paciência, pois o retorno futuro com certeza compensará a aplicação do presente.

E aí, o que achou do poder dos juros compostos ? Incrível como que investindo ao longo do tempo podemos alcançar nossa independência financeira.

matematica financeiraEu não poderia escrever esse artigo sem te indicar o curso “Matemática Financeira” do Leandro Ávilla, foi lá que eu obtive a base dos conhecimentos matemáticos para toda aplicação financeira que faço com meu capital. O curso é fantástico, te ensina de forma clara e com qualidade tudo que você precisa saber sobre Matemática Financeira.

lcaE se gostou dos juros compostos e pretende ver esse resultado acontecendo de fato, não deixe de conhecer o curso “Tesouro Direto Descomplicado“, do Rafael Seabra, especialista no assunto. No curso você vai aprender a aplicar seu dinheiro de forma segura e assim conseguir alcançar sua liberdade financeira. Eu recomendo fortemente que conheça. CLIQUE AQUI AGORA PARA ACESSAR O CONTEÚDO!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *