Análise Técnica (Gráfica) X Análise Fundamentalista

Qual a diferença e a semelhança entre o Bill Gates e o Warren Buffet ?

A diferença é que enquanto o Bill Gates opta pela Análise Técnica (Gráfica), o Warren Buffet é um investidor assumido da Análise Fundamentalista.

A semelhança ? Ambos são bilionários.

bill gates e warren buffett

Para um investidor de sucesso, entender como funciona as análises fundamentalista e gráfica é algo essencial na hora de avaliar uma ação, definir qual estratégia usar e qual o momento exato para investir no mercado financeiro.

Ao contrário do que muitas pessoas pensam, análise fundamentalista e análise gráfica (ou técnica) não são métodos opostos e sim complementares. Desta forma, para que você entenda realmente o que são e o que fazem, me acompanhe…

Escola Fundamentalista

fundamentalista

A ferramenta de análise dos fundamentos de uma empresa é usada por analistas para estabelecer um potencial de desempenho de certa ação. É levado em conta o ambiente macroeconômico e setorial, além de diversas variáveis a fim de determinar um preço considerado justo para um ativo.

Na prática, a visão fundamentalista explica que: quando o valor intrínseco do ativo (avaliação do patrimônio da empresa, seu desempenho e sua posição no setor de atuação, intensidade da concorrência, grau tecnológico, nível de intervenção estatal, entre outros fatores) se situa acima do preço de mercado, é hora de comprar. Caso ocorra o contrário, onde o preço de mercado se demonstra superior ao valor intrínseco, é hora de vender.

As 3 etapas de avaliação de uma ação pela Análise Fundamentalista:

  1. Perspectivas das variáveis macroeconômicas (juros, câmbio e inflação);
  2. Perspectivas setoriais e empresariais (preços de produto, produção, volume de vendas, etc.);
  3. Projeção dos resultados e das principais contas do balanço patrimonial; 

Os 5 métodos de análise empresarial dentro da Escola Fundamentalista:

  1. Avaliação por Múltiplos: este método leva em consideração o desempenho da ação no mercado e o contrapõe com os resultados esperados da empresa;
  2. Retorno sobre patrimônio líquido: neste método, o lucro que está sendo gerado pela empresa é comparado com seu próprio capital. Aqui se objetiva avaliar o volume de rentabilidade da empresa;
  3. Lucro por ação: este método indica o lucro líquido de cada ação;
  4. Dividendyield: aqui se busca evidenciar qual a percentagem do preço da ação que retornou ao acionista em forma de dividendos (parcela do lucro apurado) no último balanço;
  5. Preço/Lucro (P/L): este método é usado para demonstrar o período (em anos) no qual o investimento levará para gerar um retorno do capital investido. Aqui se leva em consideração o passado da empresa, sua atual colocação no mercado e ainda outras do mesmo setor. Quanto menor o índice, menor o valor da ação em relação ao custo.

Escola de Análise Técnica (Gráfica)

Forex trading

A análise técnica (ou gráfica) estuda a dinâmica do mercado através dos sinais emitidos pelo próprio mercado. Nela o analista técnico credita o preço de um determinado produto no mercado ao processo contínuo de negociação existente no mesmo.

Os princípios norteadores da Análise Técnica moderna baseiam-se na Teoria de Dow. Charles Dow, um dos fundadores da “Dow Jones & Company”, foi quem definiu conceitos básicos do que futuramente viria a ser uma teoria.

Segundo sua teoria:

todos os fatores externos já estão embutidos no último preço da ação; os preços se movimentam em tendência; o futuro repete o passado e o volume deve confirmar a tendência.

Esta teoria possibilitou encontrar meios de diminuir as incertezas. Com o advento da tecnologia da informação, o desenvolvimento da análise técnica ganhou força e, atualmente, baseados nos indicadores gráficos, investidores desenvolveram técnicas para maximizar seus rendimentos.

Tipos de Gráficos

Os gráficos mais utilizados são:

  • Gráfico de Linhas: é desenhado se conectando os diversos preços de fechamento ao longo de um período. Este tipo de gráfico não possibilita a visualização de preços de abertura, máximo e mínimo, por exemplo.
  • Gráfico de Barras: este é o tipo mais popular devido a sua praticidade. É construído através de barras que unem a preço máximo ao mínimo do ativo negociado durante o pregão.
  • Gráfico de Velas (ou Candle-stick): este modelo contém as mesmas informações da barra clássica,onde se difere apenas na construção. Nele, toda ênfase é dada aos preços de abertura e fechamento e à disputa entre investidores durante a abertura e no fechamento.

Qual a melhor: Análise Fundamentalista ou Técnica (Gráfica)?

alocação de ativos artigo

Com certeza, ao perguntar a um analista técnico qual é a melhor opção, ele dirá que é a técnica. O mesmo aconteceria se a mesma pergunta fosse feita para um analista fundamentalista. Ambas possuem seus prós e contras, desta forma, o ideal seria fazer o uso das duas escolas.

Usualmente, a escola fundamentalista se volta para investimentos de longo prazo e a escola técnica para investimentos de curto prazo. Assim, talvez uma boa maneira de utilizá-las juntas seria usar a análise fundamentalista para escolher as melhores empresas e paralelamente a análise técnica para definir o melhor momento de compra e venda de papéis para estas empresas. Mas isto quem decidirá é você, investidor.

Curos sobre investimentos

Gostou do artigo ? Quer investir na Bolsa de Valores ? Aprendi tudo isso no material do “Investidor de Sucesso”. Sugiro que conheça!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *